Academia Electrão

Optimizar a reciclagem em tempo de pandemia

Optimizar a reciclagem em tempo de pandemia

O ditado popular diz que ‘a necessidade aguça o engenho’ e em tempo de pandemia também o sector da reciclagem sentiu necessidade de se adaptar. Considerado um serviço essencial em muitos países, a indústria da reciclagem de resíduos também enfrenta impactos relacionados com o vírus da Covid-19 à medida que os serviços e práticas de recolha são reorganizados para proteger os trabalhadores.

A receção de materiais recicláveis ​​tem uma alta taxa de interacção com o público (dado o contacto directo na fase de utilização) e o próprio processo de reciclagem geralmente envolve alguma proximidade entre os trabalhadores. Como resultado, em certos pontos do globo a recolha e tratamento de materiais recicláveis foi interrompida, como aconteceu em alguns estados dos Estados Unidos da América e no Reino Unido.

De modo a aproveitar ao máximo o material que é recepcionado e pelo facto de estarem menos operadores a laborar, algumas empresas identificaram a oportunidade de implementar avanços na automação das linhas de reciclagem, permitindo melhorar os níveis de separação dos materiais logo no início das linhas de operação. No fim de linha, estas alterações irão permitir a obtenção de material com melhores níveis de separação e reduzidas quantidades de impurezas, nomeadamente nos resíduos de embalagens (papel/cartão, vidro, metal e plástico).

Se tens uma ideia ou um projecto que pode contribuir para melhorar os níveis de reciclagem e aproveitamento dos materiais, a categoria ‘Valorização Electrão’ está à tua espera! Aguça o engenho e candidata-te!

05 maio 2020